10 perguntas e respostas sobre o concurso de Delegado Rio de Janeiro

Aguardando o próximo concurso para Delegado de Polícia Civil do Estado do Rio de Janeiro? Neste artigo você vai tirar todas as suas dúvidas sobre o certame! Continue a leitura e confira!

O concurso para Delegado de Polícia Civil do Rio de Janeiro é um dos mais aguardados para 2021, e um dos motivos é o tempo transcorrido desde o último certame: já são 9 anos sem uma nova seleção e a defasagem de servidores da carreira só aumenta.

Pensando nessa grande expectativa, nas inúmeras informações divulgadas nos últimos meses e também nas dúvidas mais recorrentes, preparamos este artigo com 10 perguntas e respostas sobre o concurso, para te ajudar entender tudo de uma vez por todas e já começar a se preparar. Vamos entender?

1 – É verdade que o edital está próximo de ser publicado?

Não podemos afirmar, categoricamente, quando o edital será publicado. Trabalhamos sempre com muita seriedade, e apostar numa data, sem ter a exata certeza, contraria os valores do Time Supremo. Todavia, o que já se sabe é que a prova pode acontecer no segundo semestre de 2021, segundo informação fornecida pelo próprio Governador do Estado, Cláudio Castro. Allan Turnnowski, Secretário de Polícia Civil do Estado foi ainda mais preciso: segundo ele, a previsão é de que o edital seja publicado em setembro. É importante ter informações concretas em mente e não se apegar em especulações e apostas, que geram ainda mais ansiedade.

2 – A banca organizadora já foi contratada?

Sim, a banca já foi contratada e será o CEBRASPE, uma das mais tradicionais organizadoras de concursos públicos pelo Brasil.

3 – Quem são os examinadores?

Apesar de a banca organizadora ser o CEBRASPE, é importante lembrar que existem também as bancas examinadoras, divididas por disciplinas, e a PCERJ já informou a composição de cada uma delas. Confira:

  • BANCA DE PROCESSO PENAL:

Membros Titulares:

Presidente: Delegado Alan Luxardo

Desembargador do TRF 2: Marcelo Granado

Desembargador do TJ: Paulo Sérgio Rangel do Nascimento

Suplentes:

Advogado Criminalista: Flávio Mirza

Delegado: Antenor Lopes Martins Júnior

  • BANCA DE DIREITO PENAL:

Membros titulares:

Presidente: Delegado Bruno Gilaberte

Juiz Federal Flávio Lucas

Juiz de Direito Alexandre Abraão

Suplentes:

Delegada de Polícia: Natacha Oliveira

Promotor de Justiça: Marcos Kac

  • BANCA DE DIREITO CONSTITUCIONAL:

Membros titulares:

Presidente: Delegado de Polícia Marcus Antônio Neves Pereira

Procurador da PGE: Felipe de Melo Fonte

Promotor de Justiça: Sauvei Lai

Suplentes:

Delegado de Polícia: Luiz Marcelo da Fontoura Xavier

Delegado de Polícia: Maurício Mendonça

  • BANCA DE DIREITO ADMINISTRATIVO:

Membros titulares:

Presidente: Delegada de Polícia Alessandra Andrade

Desembargador do TRF2: André Fontes

Procurador da PGE: André Cyrino

Suplentes:

Delegada de Polícia: Ana Paula Marques

Delegada de Polícia: Renata Amaral

  • BANCA DE DIREITO CIVIL:

Membros titulares:

Presidente: Delegada de Polícia Nilce Mentzingen Aguiar

Desembargador do TRF2: Theophilo Miguel

Procurador da PGE: Anderson Schreiber

Suplentes:

Delegada de Polícia: Luciana Benjó

Delegado de Polícia: André Carlos da Silva

  • BANCA DE MEDICINA LEGAL

Membros titulares:

Presidente: Delegado de Polícia Wilson Palermo

Perito Roger Ancillotti

Perito Sérgio Rabello


Suplentes:

Delegada de Polícia Andréa Menezes

Perito Legista Ricardo Barcellos

4 – Qual é a expectativa de vagas?

O quantitativo de vagas também já foi divulgado. De acordo com o Decreto nº 47.585 de 2021, publicado no dia 27/04/2021, serão 50 vagas para a carreira de Delegado.

5 – Quando foi o último concurso para Delegado Rio?

Conforme dito no início, já são 9 anos sem concurso para a carreira no Estado. O último certame ocorreu em 2012, foi organizado pela Fundação Professor Carlos Augusto Bittencourt – FUNCAB e foram ofertadas 100 vagas.

6 – Quais foram as fases do último concurso?

O último concurso do Rio de Janeiro contou com 2 etapas, a primeira dividida em 5 fases sucessivas e a segunda em 3 fases concomitantes:

1ª fase:

  • 1ª Etapa – Prova Objetiva Preliminar, de caráter eliminatório, com questões de múltipla escolha;
  • 2ª Etapa – Provas Discursivas Específicas, de caráter eliminatório e classificatório, com questões discursivas;
  • 3ª Etapa – Provas Orais, de caráter eliminatório e classificatório, com arguição de questões;
  • 4ª Etapa – Exame Psicotécnico, de caráter eliminatório;
  • 5ª Etapa – Prova de Capacidade Física e Exame Médico, ambos de caráter eliminatório.

2ª fase:

  • 1ª Etapa – Curso de Formação Profissional (CFP), de caráter eliminatório e classificatório, com apuração de frequência, aproveitamento e conceito;
  • 2ª Etapa – Prova de Investigação Social, de caráter eliminatório, que poderá se estender até a homologação final do Concurso;
  • 3ª Etapa – Prova de Títulos, de caráter classificatório.

7 – Quais são as disciplinas do concurso de Delegado Rio?

O concurso de Delegado Rio de Janeiro exige seis disciplinas: Direito Constitucional, Direito Administrativo, Direito Penal, Processo Penal, Direito Civil e Medicina Legal. Vale lembrar que todas elas são cobradas nas fases objetiva, discursiva e oral.

8 – Para ser Delegado no Rio é preciso ter prática jurídica ou policial?

Conforme já dito em outras oportunidades, inclusive aqui em nosso blog, a prática jurídica e policial somente pode ser exigida em edital se o estado possuir lei específica que faça essa determinação. Ou seja: este é um requisito legal, e não editalício. Portanto, como o Estado do Rio de Janeiro ainda não possui lei específica exigindo a prática como requisito, o edital não poderá impor essa condição. Apesar de muito se falar em projetos de lei sobre prática, acreditamos que, até a publicação do edital, não entre em vigor disposição legal nesse sentido.

9 – Ser Delegado no Rio de Janeiro é perigoso?

A região metropolitana do Rio de Janeiro, como se sabe, tem áreas em que, ainda hoje, predominam organizações criminosas e que inspiram cuidados não apenas por parte de policiais, mas também da população em geral. Contudo, não há como dizer que ser Delegado no Rio de Janeiro é mais perigoso que em qualquer outro estado da federação. A carreira policial é evidentemente alvo de criminosos em todo lugar, razão pela qual aquele que opta por esta nobre função deverá adotar hábitos que não lhe exponham a um risco ainda mais elevado.

Se quiser saber mais sobre como é ser Delegado no Rio, assista ao 83º episódio do Supremo Cast com a professora Thaianne Moraes, Delegada no Estado: https://www.youtube.com/watch?v=weqvwMmpDWg

10 – O Supremo terá preparação específica para este concurso?

O Supremo é conhecido como A Casa do Delegado, portanto a resposta é: com certeza! Teremos preparação!

Nosso compromisso é preparar os futuros Delegados para todos os concursos do Brasil! Estamos cumprindo esta missão desde 2011 com muito êxito. Ao longo deste tempo já aprovamos milhares de ex-alunos e seremos o curso com o maior número de aprovações no próximo concurso de Delegado Rio de Janeiro; esta é a nossa meta, apoiando o aluno em cada etapa, de mãos dadas até a aprovação!

Nossa preparação começará com a turma de Treinamento, nas modalidades presencial e online. Em breve em nosso site! Continue nos acompanhando para não perder o lançamento!

Gostou deste artigo? Compartilhe com seus amigos!

Fique atento ao nosso site, às nossas redes sociais e prepare-se conosco!

Conheça nossos cursos em supremotv.com.br e siga-nos no Instagram: @supremotv.

Aproveite para seguir nosso canal no Telegram! Divulgamos conteúdos exclusivos e em primeira mão para você saber de editais e notícias antes de todo mundo! Faça parte agora mesmo: bit.ly/TelegramSupremo.

Compartilhe este post!

Nenhum comentário - Quero comentar!

Nenhum comentário ainda.

RSS feed para comentários neste post. TrackBack URL

Deixe seu comentário