SupremoCast – O direito e os influenciadores digitais

25/05/20 | Direito | por

Você é um influenciador digital ou segue alguma celebridade em suas redes sociais? No 36º episódio do Supremo Cast, você vai entender como o Direito se aplica a estas figuras públicas que sempre aparecem em seu feed!

Nossos apresentadores Bruno Zampier, Francisco Menezes e Carol Carlos conversam sobre este tema com o Mestre e Doutor em Direito Privado, professor e advogado Michael César, especialista no assunto!

O bate-papo foi leve, descontraído e o convidado inicia a conversa fazendo um panorama histórico da sociedade diante dos novos paradigmas tecnológicos, envolvendo evolução e crescimento da internet, do consumo, do comércio eletrônico e da conexão aos meios de comunicação. Após, ele aborda a regulamentação da publicidade no Brasil, as diferenças entre publicidade e propaganda e as normas do Código de Defesa do Consumidor aplicáveis à publicidade.

Neste contexto, o convidado comentou sobre o CONAR – Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária. Ele explicou o que é, o que ele faz, suas normas e como atua. Carol Carlos aproveitou para citar o site do Conselho e para falar das estatísticas mais recentes relativas aos casos a ele representados.

Falando especificamente dos influenciadores digitais, foram abordados os seguintes pontos: o que é friendly advice, como funciona este trabalho, como os influencers são remunerados e as contrapartidas recebidas por eles direta ou indiretamente, tais como as financeiras, os presentes, o aumento de fama e de seguidores. Também foram discutidos os temas de publicidade patrocinada, publicidade velada, violação aos princípios da boa-fé e da confiança e como a responsabilidade civil desses influenciadores e das celebridades é caracterizada.

Para tornar o episódio ainda mais interessante, o convidado comentou representações reais instauradas contra influenciadores: publicidade velada da Gabriela Pugliesi com a Skol, o caso paradigmático de Gabriela Pugliesi e Desinchá, racismo e outros crimes cometidos por Julio Coccielo e as representações envolvendo a publicidade infantil praticada por Luccas Neto.

Dica Suprema:

Francisco Menezes indicou o podcast Lenio Streck em Podcast.

Carol Carlos indicou o livro Feminismo em comum – para todas, todes e todos, de Márcia Tiburi.         

Michael Cesar indicou o filme A Vida Secreta de Walter Mitty e o livro O Mundo de Sofia, de Jostein Gaarder.

Bruno Zampier indicou episódio Influenzers: o papel das celebridades em tempos de pandemia, do podcast Braincast.

Clique aqui e assista ao vídeo!


Para enviar sugestões, feedbacks e comentários escreva para supremocast@supremotv.com.br.

O SupremoCast está em todas as plataformas de podcasts, tais como Spotify, Apple Podcast, Deezer e SoundCloud. Aperte o play agora mesmo e fique por dentro do assunto!

Compartilhe este post!

Nenhum comentário - Quero comentar!

Nenhum comentário ainda.

RSS feed para comentários neste post. TrackBack URL

Deixe seu comentário